+55 47 3404.4400
$: 5.649
€: 6.686
Responsabilidade Social
Preocupados com o bem estar da sociedade local

Hospital Pequeno Anjo

O Hospital Universitário Pequeno Anjo (HUPA) exerce um significativo papel no atendimento em saúde infantil. Localizado no município de Itajaí, atende crianças de todo o País e conta com uma equipe capacitada, que oferece assistência de forma ética e respeitosa, visando à saúde infanto-juvenil. 

Em novembro de 2015 a Open Trade doou ao Hospital Pequeno Anjo cabos de fibra ótica, com o intuito de ajudar nas melhorias do Centro Cirúrgico da Instituição.

No ano seguinte, em 2016, a Open Trade realizou a doação de um Laparoscópio.

“Desde a doação até 31/12/2016, foram realizadas 218 cirurgias por videolaparoscopia em crianças de toda da região da AMFRI (são 11 municípios). Crianças não são adultos em miniatura, ao contrário do que muitos imaginam. Assim os problemas cirúrgicos pediátricos são  diferentes dos que ocorrem nos adultos, necessitando de tratamento específico. Esse tratamento específico requer uma abordagem física, humana e psicológica diferenciada. Tudo deve ser específico para elas, desde a estrutura do hospital, a relação entre profissional de saúde até os equipamentos utilizados em procedimentos cirúrgicos. A Videolaparoscópica Pediátrica é uma nova abordagem cirúrgica no tratamento de diversas patologias na criança, realizada por cirurgião pediátrico. Teve seu início na década de 90, porém os avanços das pesquisas com o desenvolvimento de materiais de alta tecnologia específicos para crianças  ocorreram recentemente. No Brasil há poucos grupos de cirurgiões pediátricos que se dedicam a esta nova modalidade cirúrgica. A maioria dos procedimentos realizados na Cirurgia Pediátrica por via aberta (chamada de convencional) pode ser realizada por via videolaparoscopia, a exemplo: Refluxo gastroesofágico, Criptorquidia, Apendicectomia, Trauma fechado e aberto, Biópsia e ressecção de tumores , Diagnóstico em abdome agudo, Colecistectomia, Cistos e tumores de ovário , Intussuscepção , Biópsias, Dor abdominal recorrente  e outras... A cirurgia por vídeo faz a criança se recuperar mais rápidopois são feitas pequenas incisões (cortes); há maior delicadeza no manuseio dos tecidos, oportunizando uma melhor recuperação. Isso implica na redução do tempo de internação e redução no índice de infecção. ”

Depoimento da Profa. Attela Jenichen Provesi, Diretora Administrativa do Hospital Universitario Univali, em 01 de fevereiro de 2017.

Demais Projetos Sociais

Associação Madre Tereza

Ver detalhes

Selo Social

Ver detalhes

Empresário do Ano

Ver detalhes